Bob Esponja Amino Em Português Amino


Google Blogs: Como Montar Um Website Grátis Para pessoas Específicas


O canal de videos Porta dos Fundos, criado há seis anos por um grupo de humoristas que acrescenta Fábio Porchat e Gregório Duvivier, se prepara para ceder seu primeiro passo no mercado internacional. Tereza Gonzalez, presidente executiva do Porta dos Fundos, diz que a organização está fazendo uma seleção de seu catálogo de 850 filmes para detectar quais podem ser adaptados pra novas culturas. Os primeiros testes necessitam ser feitos muito em breve, em espanhol. O controle do website foi vendido no ano anterior para o grupo americano Viacom - dono de canais como Comedy Central e MTV.


50 milhões, segundo uma fonte do setor de mídia. Tereza diz que o grupo americano tem recursos e discernimento fundamental para fazer a marca Porta dos Fundos amadurecer além das fronteiras nacionais como uma produtora de tema em diferentes plataformas (web, Tv e cinema). Como você ficou presidente do Porta dos Fundos?


Eu conheci o Porta dos Fundos através do Fábio Porchat, em 2012, antes do Porta explodir. Nós trabalhamos juntos no filme Entre Abelhas. A parceria deu correto. O Porta explodiu e eles queriam estender o negócio. É o maior caso de emprego profissional do YouTube no Brasil? Sim. Eles queriam, como produtores, abrir um núcleo para fornecer para Televisão e cinema - e me chamaram pra fazer isto.


Assim como sou causador da internet. Eu cheguei em agosto de 2014. E, depois de um tempo, veio a proposta de compra da Viacom, fechada há menos de um ano. Fizemos longas, séries para a Televisão, teatro. Invadimos outros territórios - e foi precisamente então que a Viacom se interessou. Uma vantagem é que nem sequer só o Porta dos Fundos, no entanto bem como seus membros individualmente, vêm com um público embutido. A gente tem 14 milhões de registrados no canal, quase setenta milhões de visualizações por mês.

  • 2# - Escolha algumas corporações de monetização
  • Tudo a respeito mídia kit
  • 5-Consegue publicar com periodicidade
  • Marco Antonio Barato citou
  • O Google domina que posts com muitas imagens são mais ricos em assunto e mais amigáveis
  • Kevinhomix (conversa) 20h47min de oito de janeiro de 2012 (UTC)

Conseguimos preservar uma bacana visibilidade, apesar de o cenário ter mudado muito. A plataforma cresce de maneira exponencial, então a disputa é superior. Fora da web, o que de imediato foi feito pelo Porta dos Fundos em outras plataformas? O programa da Fox era mais do que a web pela televisão.


A gente fez ligações entre os esquetes (que neste momento estavam no YouTube) - foram 20 programas de meia hora. Foi feita a adaptação porque, honestamente, o público não migra da web pra Televisão. A gente muda de plataforma e acaba expandindo o público. A gente fez uma série chamada O Amplo González e o longa Contrato Vitalício, que serviu para aprendermos que nem sempre o público vai migrar de uma plataforma pra outra. E quais são os novos projetos? A internacionalização. O enorme encontro com a Viacom foi esse: a hipótese de expansão que uma extenso organização de intercomunicação traz.


Nós temos total independência criativa. Desejamos até fornecer para outros parceiros e novas plataformas, fora dos canais da Viacom. Os sócios individualmente bem como podem fazer seus projetos, tanto que o Fábio Porchat está na Record e o Gregório Duvivier faz uma série pra HBO. No entanto a nova série do Porta dos Fundos é no Comedy Central, da Viacom.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *